Intensivo no Rio de Janeiro

curso midias sociais

Em abril também estarei no Rio. Preparei um curso mais aprofundado para quem já está na área (marcas/agências/influenciadoras) e deseja reciclar conhecimentos além de aprimorar seu trabalho. Também será um intensivo para poucos alunos por turma de modo que eu possa dar uma orientação mais focada para cada um, quase uma consultoria bem intimista, do jeito que eu gosto.

Vou falar de planejamento eficiente de conteúdo, vou dar orientações para contratos entre marcas e influenciadores, como melhorar o fluxo de atendimento ao cliente/agência, relatórios de resultados, gerenciamento de crise com influenciador/blog/rede sociais, apresentação de casting/ blogs para clientes, + debate sobre cases.

09 vagas.

Dia 27/4, segunda das 9h-18h

Rua Barão do Flamengo 22, sala 402, Rio De Janeiro

http://coworkingbrasil.org/spaces/cluster-rio/

 R$495 (em 2 vezes – no ato da reserva e após curso)

Inscrições com Diane De Camillis: educ.canaisdigitais@gmail.com

Bookmark and Share

Hora do Planeta

horadoplaneta

Não esqueça de apagar as luzes e vamos juntos por um mundo melhor.

A Hora do Planeta é um ato simbólico, promovido no mundo todo pela Rede WWF, no qual governos, empresas e a população demonstram a sua preocupação com o meio ambiente, apagando as suas luzes durante 60 minutos. #UseSeuPoder

Bookmark and Share

Crossfit da Marina Abramovic

marina abramovic

Dos sotaques que eu mais gosto na vida, certamente o de quem é do leste europeu falando inglês é meu favorito. Uma coisa meio cientista maluco de filme antigo de ficção, de espiã sexy da guerra fria, da garçonete de deli nova-iorquina que eu amava com r’s bem puxados, uma fala mais rígida, mais imperativa. E não sei bem o porquê, mas eu amo. E é bem assim que começa o workshop do Método Abramovic, com esse sotaque a artista Marina Abramovic que orienta em inglês os cerca de 70 participantes.

De graça, com 2h30 de duração no Sesc Pompeia, essa atividade é parte da programação da exposição retrospectiva da obra da artista: “Terra Comunal”. Eu nem sei bem como conseguimos as superconcorridas vagas para participar numa manhã de março do workshop. Fui junto com o Edu. Acho que foi um presente de aniversário pra nós dois.

Num vídeo gravado, Marina está vestida toda de branco, fala como se estivesse ali conosco. Ela dá as instruções dos exercícios de preparo para encarar as suas 4 estações. E as práticas são técnicas simples de respiração e alongamento, estica, bate palma, inspira, expira, se solta, e que sua “discípula” Lynsey Peisinger exemplifica um por um.

Ela avisa que passaremos divididos em grupos por 3 posições em 4 estações de 30 minutos cada: deitada, de pé, sentada e que tudo deve ser feito em silêncio e muito lentamente. Faz um breve comentário sobre o mundo de hoje cheio de estímulos que não nos fazem focar no que é importante, que nos turva a visão, o olfato, o tato, a audição e que o método pretende nos oferecer algo que não temos mais por aí, a possibilidade de usufruir do momento presente.

Na sequência colocamos fones de ouvido daqueles maravilhosos que anulam o mundo exterior e você não ouve mais nada, passa a seguir um facilitador que nos conduz pelos “objetos”. Não vou detalhar o crossfit da Marina, esse post aqui já fez isso muito bem.  Vale dizer que o corpo precisa estar em forma também se quer encarar.  Em uma das estações, em que a gente fica de pé, me senti testando a capacidade de superar a dor no nervo ciático como se estivesse numa prova de resistência do BBB valendo um milhão e meio de reais. Concentrei na beleza do cristal, nas gamas de luz, na lapidação, nas imperfeições, nas lascas da pedra como se fosse um caleidoscópio. Deu tudo certo.

destaque-método
Vou compartilhar a minha experiência mental, os pensamentos que tive. Não quis ficar de olho fechado em nenhum momento, não queria dormir, nem relaxar, nem pensar na vida, queria estar o mais consciente possível de onde estava e completamente na situação.

O melhor foi testar o poder da concentração, o poder que é perceber que quanto mais olhamos algo mais vemos podemos ver novas coisas. E vemos o que está ali, vemos o que está na nossa mente e vemos o que as duas coisas resultam quando combinadas: o que eu acho que está lá.

Estar presente para mim é ter a consciência 100% voltada a você mesmo, aos seus sentidos e ao que tem pela frente, seja alguém te encarando ou uma parede branca e óbvia mas repleta de pormenores, de texturas, profundidade, sombras, reflexos…. Eliminar o excesso do mundo, o supérfluo potencializa os resultados da nossa compreensão de tudo.

Entender que é preciso cessar os estímulos desnecessários na vida, como por exemplo: eu, e nem ninguém, precisa de mil notificações no celular, não precisamos saber o que nossos amigos curtiram, não precisamos ler tudo o que comentam, nem saber se mudaram suas fotos de perfil, se foram jantar fora, se estão num show ou de férias. Isso não muda nada.

Eu não preciso atender o celular porque alguém quer falar comigo mas eu estou escrevendo um texto, um email, fazendo uma lista de mercado, cozinhando, lendo, dando banho no gato. Antes de tudo a pergunta que precisamos fazer é: eu quero atender? eu posso? eu preciso? eu deveria interromper o que estou a fazer? Deveria interromper esse momento com essas pessoas que estão comigo? Esse é o momento certo para mim? Aposto que você vai rir, dizer que é impossível fazer isso, que tudo bem ser interrompido, mas sua vida será mais feliz se você não se sentir obrigado a atender todo mundo que te liga, que te manda mensagem, sms, whatsapp, inbox, dm… Preze seu tempo.

Numa analogia tosca mas clara: por que ver um filme no cinema é infinitamente melhor do que ver em casa, na tv? Porque o ambiente do cinema te propicia mergulhar os sentidos todos na obra. O filme foi feito para ser visto no escuro, na tela grande com som dolby stereo. Assim deveria ser com tudo aquilo que fazemos. Se voltar totalmente ao momento, seja ao comer um doce e sentir o sabor, a textura, observar os detalhes da forma, ao olhar quem te dá um sorriso, seus olhos, sua intenção, ao sentar num café com uma amiga, e olhar pra ela, e escutar, você será capaz de ir além e nada vai passar batido.

Quem me conhece sabe que, apesar de ser extremamente agitada e aparentemente parecer que faço muitas tarefas simultâneas, tem coisas que não me permito nunca fazer ao mesmo tempo, como dirigir e falar ao celular no viva-voz e correr ou andar na rua escutando música no fone.

Acho válida a experiência de escutar o barulho das pisadas na pista de corrida, de escutar o zummmm quando alguém te ultrapassa, ouvir uma conversa no metrô, sentir as barras pra segurar geladas. Não consigo conversar muito quando dirijo, já tive provas de que é naquela microfraçãodesegundo que um dos seus sentidos se distrai a merda pode acontecer. E dirigir é muito sério e falar com as pessoas também é. Ninguém merece que a gente fique naquele “ahã tô te ouvindo” mas na verdade tá não! nem poderia.  “Ah, pelo amor de deus Lili, hoje a gente pode até sincronizar o celular com o carro.” OK pode, mas eu acho que eu não posso. Eu não faço.

marina abramovic

Fiquei numa cama dessas igualzinha.

Depois de experimentar tudo isso, o sentimento de “estar totalmente presente” naquelas situações, acredito fortemente que para a “arte” da performance ser compreendida, esse workshop revoluciona a apreciação. Estar por alguns momentos no papel, na situação do performer, é física e mentalmente, a única forma de chegar mais próximo ao sentimento e intenção do artista. Acaba aquele discurso rasinho de visitante cricri de exposição: “até eu faço isso, ah é só ficar sentada ali, que fácil.” Então senta lá e sente como a parada é transformadora.

Senti que saí do Sesc certa de que o foco pode nos fazer muito bem, e pode fazer bem aos outros, posso ver além, ser muito mais sensorial e com mais aptidão para descartar ainda mais os ruídos da vida. Também entendo o quão profunda é uma performance em que a artista está lá disponível 100% para você, te olhando no olho. Precioso.

Somos convidados a deixar um relato da experiência em folhas de sulfite, que pode ser uma mensagem, o que for. Edu desenhou. Eu deixei um agradecimento por escrito a lápis:  “Obrigada por me proporcionarem ouvir tanto, ver tanto, sentir tantas coisas, estar presente e disponível para mim mesma. Saio revigorada. E ainda que ficasse mais tempo em cada um dos objetos não teria visto nem sentido tudo.”

Bookmark and Share

Elis Regina é a cantora brasileira mais tocada no Napster 

elis regina

Olha que bonito de se ver, ops, de se ouvir: no mês em que completaria 70 anos se estivesse viva, o público do Napster prova que Elis Regina, uma das maiores cantoras brasileiras que o mundo já viu, e ouviu. Elis continua viva na memória de seus fãs. Na última semana ela foi a cantora brasileira mais tocada na plataforma de música sob demanda: Napster. Entre as dez canções mais escutadas no gênero “Brasil”, cinco são interpretadas por Elis: “O Bêbado e A Equilibrista”, “Águas De Março”, “Como Nossos Pais”, “Maria, Maria” e “Madalena”. Em comemoração, o Napster preparou a playlist “70 anos do nascimento de Elis Regina”, que traz, além dos sucessos acima, clássicos na voz de Elis como “Aprendendo a Jogar”, “Vento de maio/Um Girassol da Cor Do Seu Cabelo”, “Casa no Campo”, “Vou Deitar e Rolar”, “Dois pra lá Dois Prá Cá”, “Upa, Neguinho”, “Trem Azul” e muitas outras. Os assinantes também podem escutar online e off-line os mais de 30 álbuns da cantora, entre singles, EP’s e compilações, entre eles o álbum “Elis” (1972), que deve ser relançado ainda esse ano. Amo Napster!!! www.napster.com.br.

Bookmark and Share

Visitando Marina Abramovic

marina-abramovic-sesc-pompeia-exposicao-074_original

Sabia que você pode agendar uma visita realizadas por artistas-educadores coordenados pelo Zebra 5 com duração de 1h30 na exposição do Sesc Pompeia:  “Terra Comunal – Marina Abramovic+MAI” . Além dos vídeos e objetos, a mostra conta com a participação de artistas brasileiros escolhidos por Marina e que estão performando durante toda a exposição. Os agendamentos são gratuitos e para todas as idades através do telefone (11) 3871-7700, das 13h às 18h, ou pelo email: agendamento@pompeia.sescsp.org.br.

Bookmark and Share

Dia da Mulher na Cinemateca

Em homenagem ao Dia Internacional da Mulher a CINEMATECA BRASILEIRA apresenta gratuitamente uma sessão ao ar livre, às 20h no domingo dia 8/3, para exibir os curtas metragens :

Eh Pagu, eh! (1981), dirigido por Ivo Branco e que conta um pouco da vida e da obra de Patrícia Galvão, a Pagu. Um dos nomes mais importantes do movimento feminista brasileiro. Casada com Oswald de Andrade, participou do Movimento Antropofágico. Jornalista, escritora e tradutora, entre outras coisas, ficou presa por quase cinco anos durante a ditadura Vargas por ser militante do PCB.

Mulheres de Cinema (1976), dirigido por Ana Maria Magalhaes e que aborda a participação profissional da mulher, como atriz ou integrante da equipe técnica, ao longo da história do cinema brasileiro.

E o longa-metragem francês Copacabana (2010), de Marc Fitoussi, comédia estrelada por Isabelle Huppert.

Vale a pena! Melhor do que ganhar rosa!

Bookmark and Share

Panorama das Mídias Sociais

O curso de Panorama das Mídias Sociais é meu novo curso na ComSchool. São aulas expositivas com parte teórica e diversos exemplos reais de cases de sucesso em cada um dos temas propostos. Sempre haverá uma rodada final de perguntas dos alunos. A ideia é dar ao aluno um panorama objetivo das redes sociais de modo que possa ter mais entendimento e condições de realizar o gerenciamento dos canais online de sua marca ou projeto, analisar dados, tomar melhores decisões.

Público Alvo: Todas as pessoas que desejam entender melhor as mídias sociais e obter resultados para seus negócios e projetos.

Você pode fazer meu curso de Panorama das Mídias Sociais em duas modalidades diferentes:

- Modalidade Presencial: as aulas acontecem na ComSchool, na Avenida Paulista, 2006, 18o andar, próximo às estações do metrô Consolação (linha verde) e Paulista (linha amarela) São Paulo.

- Modalidade Online Ao Vivo: as aulas são transmitidas AO VIVO. Você só precisa de um computador ou tablet, com internet de banda larga (velocidade mínima de 1Mb). Você me vê e ouve pela nossa câmera, assiste aos slides e anotações da lousa eletrônica, faz perguntas e interage com outros alunos pelo bate-papo, tudo em tempo real. Veja aqui uma demonstração da transmissão de uma aula.

Em ambas as modalidades AS AULAS FICAM GRAVADAS. Você tem 90 dias para assistir de onde quiser, na hora que quiser.

Conteúdo programático:

Aula 1- Como funciona a internet e qual a dinâmica das redes sociais

Aula 2- Tudo sobre Facebook

Aula 3-  Como utilizar o Instagram, Twitter e Pinterest

Aula 4- Redação para Redes Sociais e Blogs

Datas: 06/04 a 09/04

Horário: 12:30h às 13:30h

Inscreva-se!

Bookmark and Share

Beauty Week no Detrich

Vai começar a edição de 2015 do Beauty Week Brasil! Durante a promoção da para usufruir dos melhores serviços a preços super especiais! No Detrich terá 3 sombos de serviços com preços fixos. Você pode escolher fazer 1 ou todos eles. Imagina!

Por R$ 40,00, você pode fazer Escova durante o período da Beauty Week!

Por R$ 80,00, pode escolher entre 2 serviços: Escova & Hidratação – Hidrate seus cabelos com Máscara L’Oréal ou Wella. Finalize com uma bela escova.

O corte feminino que custa normalmente R$ 160 vai estar por R$80.

E a gente pode escolher por R$160:

Velaterapia & Hidratação, que elimina o frizz e as pontas duplas sem mexer no comprimento dos cabelos. O tratamento é finalizado com uma aplicação de máscara hidratante.

OU

Reconstrução Capilar JOICO – recupera a saúde dos fios danificados pelo tempo ou por processos químicos.

OU

Penteado & Make – Essa é para arrasar! Faça seu penteado preferido e maquiagem simples para brilhar em qualquer festa.

Ai mil opções! E aí, se empolgou? É muita coisa e preço bom!

A Beauty Week vai rolar do dia 3 ao dia 15 de março, reserve seu horário no Detrich, em Moema-SP.
Telefone: (11) 5041-1362 / 5096-1627
Whatsapp: (11) 94911-4451

Bookmark and Share

A Dica do Dia

Gente nem é pelo sobrenome ser o mesmo, mas a Flávia Ferrari é demais! Vocês devem conhecê-la pelo blog DecoraCasa. Agora ela tem um canal no Youtube com vídeo curtinhos que ensinam muito pra gente como cuidar da casa, aprender truques de conservação de alimentos, limpeza, consertinhos e organização. Eu já comecei a implementar todas as dicas aqui em casa.

Bookmark and Share

Consultoria na organização da sua casa

Tem muita gente que gosta de arrumar a casa como eu, gente que sabe até ajustar as coisas nos seus devidos lugares, só não tem mesmo o aquele dom da organização perfeita. Falta uma visão técnica, uma facilidade a mais para encaixar as coisas nos cantinhos, descartar coisas inúteis ou armazenar corretamente as coisa. Eu mesma sei que poderia melhorar tudo se tivesse uma orientação profissional. Ops! Mas eu tenho agora! Tenho a Cintia Covre da Otimiza Design. Ela já me ajudou a abrir espaço nos armários de roupas, deu um jeito na escrivaninha da Luisa através de uma nova consultoria que desenvolveu. Funciona assim: ela vai até a sua casa e verifica todos os ambientes. Vê se o tipo de cabide, as dobras de roupa, organização do roupeiro, sapateira, dos armários da cozinha, lavanderia e banheiros estão em ordem, vê se as cosas estão guardadas e arrumadas da forma correta, se tudo está separado e dobrado direitinho. Aí ela passa dicas importantes e ensina boas técnicas de organização para que de uma maneira rápida e mais em conta, a gente mesma possa organizar a nossa casa. <3

Bookmark and Share

Bichos dos Mapas Medievais

A escultora e ilustradora canadense Bailey Henderson materializa animais fantásticos que ilustram aqueles mapas medievais, sabe? Olha essa:

Cada criatura é feita com muitos detalhes e segue a imagem original com muita precisão. Até a textura das peças imita as linhas no papel, na ilustração. Incrível!!!!

Bookmark and Share

2015 pode chegar!

Bookmark and Share

Eu mereço!

Bookmark and Share

Feliz Natal

Bookmark and Share

Resumo 2014

Bookmark and Share

Rede cabeLAÇO

Faz exatamente um ano que eu e mais algumas amigas cortamos nossos cabelos com o divino e generoso Duda Molinos e doamos para o Hospital Mario Filho, em BH para mulheres em tratamento quimioterápico fazerem suas próprias perucas.

Parece um ítem bobo, uma peruca. Mas faz muita diferença para a mulher, só que é cara quando feita com cabelo natural. Em 2008 fiz este post sobre locais para doar cabelo e locais que doam perucas às mulheres que precisam. Disseminar essa informação e a possibilidade de ajudar mulheres a se sentirem melhor com sua aparência é muito importante.

E agora te faço um pedido em prol desta causa: a Fundação Laço Rosa, ong que luta contra o câncer de mama participa do Desafio Brasil de Crowdfunding, iniciativa que pretende arrecadar recursos para a criação de uma rede com todos os movimentos de doação de cabelos para a confecção de perucas destinadas a pacientes com câncer.

A votação será toda online, www.doemaisdoemelhor.com.br até 24/12/14. Vai lá e ajude a Fundação Laço Rosa a viabilizar mais e mais perucas. #cabeLACO

Bookmark and Share

Existe amor e muito mais em SP


Mini doc “São Paulo: The Most Underrated City in the World” obra de Breaking Borders, um grupo formado por Nick Neumann (cineasta), Walker Dawson (fotógrafo e apresentador que aparece no vídeo) e Chris Moreno (escritor). Veja o Facebook e tbém o site oficial deles. <3

Bookmark and Share

Cinderela (e a madrasta má)

Um filme live-action inspirado no clássico conto de fadas, Cinderela dá vida às eternas imagens da obra de arte de animação de 1950 da Disney com seus personagens agora e carne e osso.

A história de Cinderela (Lily James), cujo pai comerciante se casa novamente depois que fica viúvo de sua mãe, e ansiosa para apoiar o adorado pai, Ella recebe bem a madrasta (Cate Blanchett) e suas filhas, Anastasia (Holliday Grainger) e Drisella (Sophie McShera), na casa da família.

Meu conto de fadas favorito!

Quando o pai de Ella falece inesperadamente, ela se vê à mercê de uma nova família cruel e invejosa. Relegada à posição de empregada da família, a jovem sempre coberta de cinzas, que passou a ser chamada de Cinderela, bem que poderia ter começado a perder a esperança. Mas, apesar da crueldade a que fora submetida, Ella está determinada a honrar as palavras de sua falecida mãe e “ter coragem de ser gentil”.

Ela não cederá ao desespero nem aos que a maltratam. E depois tem o belo estranho que ela conhece na floresta. Sem saber que, na verdade, trata-se de um príncipe, não um mero aprendiz do Palácio, Ella finalmente sente que encontrou uma boa alma. Parece que sua sorte está prestes a mudar quando o Palácio envia um convite aberto a todas as donzelas do reino para ir a um baile, aumentando as esperanças de Ella de encontrar novamente o encantador Kit (Richard Madden).

Infelizmente, sua madrasta a proíbe de ir ao baile e, impiedosamente, rasga seu vestido. Mas, como em todo bom conto de fadas, surge ajuda, e uma gentil mendiga (Helena Bonham-Carter) aparece e – armada com uma abóbora e alguns ratinhos – muda a vida de Cinderela para sempre.

#vouver

Bookmark and Share

Cabeleireiros Contra a Aids

No dia 1º de dezembro, Dia Mundial da Luta Contra a Aids, acontece a ação Cabeleireiros Contra a Aids, idealizada pela L’Oréal, que vai realizar cortes a preços promocionais e 100% da verba arrecada será destinada a Sociedade Viva Cazuza, instituição que oferece assistência a crianças e jovens com o vírus HIV. As cidades de São Paulo, Rio de Janeiro, Campinas, Ribeirão Preto, Aracaju, Brasília, Porto Alegre, Curitiba, Manaus e Belo Horizonte participam da ação. Cabeleireiros Contra a AIDS é um projeto mundial da L’Oréal em parceria com a UNESCO (Organização das Nações Unidas para a Educação, a Ciência e a Cultura). No Brasil, tem apoio do Ministério da Saúde, por meio do programa Nacional de DST/AIDS.
Ajude a divulgar a ação no #MudeSuaAtitude #SalãoSolidario
Mais informações sobre os salões participantes aqui!

Bookmark and Share

Irmã Dulce no cinema

Aqui está outro filme brasileiro que quero ver: “Irmã Dulce”. Personalidade indicada ao Nobel, era o “Anjo Bom da Bahia” e foi beatificada pela Igreja, mas ao que parece, nunca se importou com títulos. A história de uma mulher cujo único objetivo era confortar os necessitados, cuidar dos doentes, amparar os miseráveis – a qualquer custo, com a ajuda de quem fosse. <3 Conheça suas obras sociais que até hoje estão funcionando. No cinema as atrizes que encarnam a religiosa são Bianca Comparato e Regina Braga <3

Bookmark and Share